Morre, aos 85, anos o grandioso ator global Tarcísio Meira

Ator Tarcísio Meira estava internado há alguns dias e não resistiu

Morreu nesta quinta-feira, 12, o ator Tarcísio Meira, aos 85 anos. Ele e a esposa, a atriz Glória Menezes, de 86, foram internados no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, diagnosticados com Covid-19. Glória apresentou sintomas leves, enquanto o ator precisou ser intubado.

Entre novelas, séries e teleteatros, Tarcísio carimbou seu nome em mais de 60 trabalhos. Entre os títulos mais marcantes estão Saramandaia (1976), Roque Santeiro (1985), Araponga (1990), Fera Ferida (1993), O Rei do Gado (1996), Hilda Furacão (1998), O Beijo do Vampiro (2002), A Favorita (2008), e Velho Chico (2016). Seu último trabalho na TV foi a novela global Orgulho e Paixão (2018), na pele de um industrial inglês.

Cantor famoso revela encontro com Juliette e revela alguns segredos

Luan Santana revela que gostaria que seu lado humano fosse mais visto

O encontro de Luan Santana com Juliette na live que farão juntos na noite desta terça-feira não será inédito. Os dois já se encontraram às escondidas, sem fotos postadas nas redes sociais. A novidade foi revelada pelo próprio cantor, que fez ainda outra revelações na entrevista que deu ao podcast No flow, como suas idas a lugares de prostituição e o incômodo com a fama de bom moço que o persegue desde o início da carreira.

“Entendi quando Juliette não aceitou meu convite para gravar o clipe comigo. Ela tinha outros planos e projetos, mas a gente já se encontrou pessoalmente, sim. Ela é muito gente boa e talentosa”, disse Luan, que abriu apenas um sorriso maroto ao ser questionado se gostaria de ficar com a ex-BBB.

Aos 30 anos, Luan disse também que gostaria de ter mais oportunidades de mostrar seu lado mais humano, de carne e osso, diferente da imagem de menino sério e comportado: “Nesses 14 anos de carreira, vi tanta coisa acontecer, já vivi muita coisa, mas sempre senti falta desse espaço, de ter um jeito diferente de falar com o público. As pessoas têm uma imagem de mim… Para muitas pessoas, eu não falo palavrão, eu não bebo. Eu faço essas coisas”.

Por isso, para o grande público, seja impensável imaginar o cantor frequentando lugares de prostituição. Luan então surpreende mais uma vez. “Já fui a algumas maneiras e a outras muito ruins. Meu sonho é ir a uma muito ruim só para ficar olhando. Mas, na maioria das vezes, acontece de não quererem que eu pague por eu ser o Luan Santana”.

MATÉRIA COMPLETA EM https://extra.globo.com ou CLIQUE AQUI

O Brasil vai a passos largos no rumo de se tornar uma Venezuela

Bolsonaro toma atitudes que o levam a ser comparado com o ex-presidente Hugo Chávez

Marcos Meirelles, Jornalista em São José dos Campos

Os ataques de Jair Bolsonaro ao Judiciário não têm precedentes na história da democracia brasileira, mas encontram eco na vizinha Venezuela, destroçada pelo autoritarismo de Chávez e Maduro.

No Brasil, nem mesmo os presidentes mais autoritários da República Velha, como Floriano Peixoto ou Hermes da Fonseca, ousaram afrontar os tribunais.

Desde o restabelecimento do regime democrático e a Constituição de 1988, o Judiciário tem sido fundamental para preservar as instituições e a democracia brasileiras. Com Bolsonaro, no entanto, chegamos a “oto patamar”, o patamar venezuelano de Hugo Chávez e Nicolás Maduro.

Quando Bolsonaro diz que “vai chegar a hora” do ministro do STF Alexandre de Moraes, o que ele faz é incitar apoio a um golpe de Estado. Quando o capitão Cloroquina ameaça diretamente o presidente do TSE, Luís Roberto Barroso, a sombra de Hugo Chávez paira sobre toda as instituições brasileiras, ameaçadas por um grupelho ideológico que se apoderou do Palácio do Planalto.

O capitão reformado Jair Bolsonaro e o tenente Hugo Chávez são iguais e representam, cada um a seu tempo, o que há de pior na política latino-americana. Populistas, demagogos, não respeitam as instituições e não sabem o valor da democracia.

O golpe de Bolsonaro contra o Judiciário e contra as eleições tem o respaldo do Centrão. Hoje, os quase 300 políticos que integram esse bloco parlamentar comemoram os mais de R$ 40 bilhões em emendas, o controle da Casa Civil, as sinecuras da Codevasf e o fundão eleitoral de mais de R$ 5 bilhões.  Mas cuma? Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão, não era isso?

Matéria completa em O VALE.COM.BR OU clic aqui

Morte de cantor ainda intriga polícia e terá novos depoimentos

Mc Kevin morreu ao cair de sacada de hotel na Zona Oeste do Rio de Janeiro

O delegado Leandro Gontijo de Siqueira Alves, titular da 16ª DP (Barra da Tijuca), irá intimar a modelo fitness Bianca Dominguez, que estava no quarto 502 de um hotel na orla da Zona Oeste do Rio quando o cantor Kevin Nascimento Bueno, o MC Kevin, caiu, a prestar um novo depoimento. Embora na primeira ida à delegacia, em 17 de maio, a moça tenha dito que, pouco antes da queda, mantinha relações sexuais com o funkeiro na varanda, agora ela alega que o artista estava no cômodo discutindo com Victor Elias Fontenelle, o MC VK, tendo, inclusive, pedido ajuda ao amigo e não sido socorrido pelo rapaz.

Em entrevista ao programa “Domingo Espetacular”, da TV Record, o advogado Danilo Garcia de Andrade, que representa Bianca, informou que irá enviar ao Ministério Público do Rio um documento com sete páginas e 115 itens que detalham o episódio e teriam sido lembrados pela modelo após as declarações dadas por ela na 16ª DP. Segundo ele, a briga “acalorada” e “com gestos bruscos” entre MC Kevin e MC VK era sobre a possibilidade de a mulher do funkeiro, a advogada Deolane Bezerra, hospedada na suíte 1305, estar chegando. Os dois estariam em pé, indo para a varanda, e o desentendimento, garante o advogado, teria motivado o funkeiro a passar as pernas pelo parapeito.

“Talvez tenha sido uma tentativa de passar para o andar debaixo ou apenas de ficar pendurado, mas isso nos coloca que não foi apenas um acidente”, disse Danilo à TV Record.

Na ocasião, Bianca contou ao GLOBO ter presenciado o momento em que ele “não aguentou se pendurar”. No primeiro depoimento, a modelo contou que MC Kevin passou as pernas pelo parapeito, desceu o corpo e ficou apoiado com as mãos na parte mais baixa da sacada. Ele despencou de uma altura de aproximadamente 18 metros, sofreu 23 fraturas, além de hemorragia na cabeça, perfuração no pulmão e rompimento do fígado. A causa da morte do artista no laudo do Instituto Médico Legal (IML) é descrita como traumatismo crânio encefálico, provocado por ação contundente.

MATÉRIA COMPLETA EM https://extra.globo.com/ OU CLIQUE AQUI

Mulher é morta por cães pitbull quando visitava namorado

Marli visitava o namorado e foi atacada por cães da raça pitbull e acabou morrendo

Marli Donegá Tizura, 53, morreu após ser atacada por seis cães da raça pitbull em uma chácara localizada na área rural de Birigui, em São Paulo. A mulher foi visitar o namorado, que trabalha no local, quando os cães a atacaram na noite da última quarta-feira (21). As informações são da Polícia Civil.

O namorado tentou ajudar a afastar os cães, mas também foi mordido. Mesmo com vários ferimentos graves, ele conseguiu fugir para dentro do imóvel e pedir ajuda de familiares antes de ficar desacordado.

A equipe de resgate foi acionada, mas encontrou a mulher já sem vida no local. O caseiro foi levado ao Pronto-Socorro Municipal com diversos ferimentos. Os animais foram contidos por outras pessoas que estavam na chácara.

O incidente foi registrado como “morte suspeita”. A investigação busca saber agora o motivo pelos quais os animais avançaram sobre a mulher. Moradores e funcionários da chácara devem ser ouvidos, inclusive o ex-companheiro de Marli, que também mora e trabalha na propriedade.

Acesse matéria completa em Pragmatismo Político ou clicando aqui