Repórter da Globo é ameaçada ao vivo por homem armado

Daniela Carla fazia reportagem o vivo para o Bom dia Espírito Santos quando foi ameaçada

Metrópoles – A repórter Daniela Carla, da TV Gazeta, afiliada da Globo no Espírito Santo, passou por um momento de tensão durante o Bom Dia Espírito Santos de quarta-feira (20). Ela foi ameaçada por um homem armado e precisou deixar o Morro do Cabral às pressas.

Tudo começou quando Daniela foi ao local para falar sobre uma série de tiroteios que aconteceram na madrugada, quando foi abordada pelo homem.

“Nós acabamos de ser ameaçados no Morro do Cabral. A gente vai sair daqui agora, um homem armado nos mandou embora neste momento. Esse rapaz aqui apontou uma arma para mim. Pouco antes, um comparsa dele passou por aqui e falou que a gente tinha que meter o pé”, disse a repórter.

Nervosa com a situação, Daniela não conseguiu seguir com o trabalho e disse que deixaria o local: “A gente vai descer essa escada, porque não quer colocar a nossa vida em risco. Estamos deixando essa região agora, se der nós voltamos. Estou nervosa, com a voz meio trêmula, mas é normal.”

Um dos âncoras do jornal, Mário Bonella pediu que a repórter procurasse a polícia e desabafou sobre a situação tensa. “Ela está lá para levar informação a você, mas foi impedida de trabalhar. A Dani vai para o carro, para outra região da cidade, assim que for possível, a gente volta com mais informações”, lamentou ele.

Em suas redes sociais, Daniela desabafou sobre a situação e lembrou que estava apenas fazendo o seu trabalho. “Mas assim como se acham no direito de tirar a paz de pessoas de bem, criminosos acham que podem nos impedir de contar o que eles fizeram e cobrar segurança por parte das autoridades. Não podem! Fizemos nosso trabalho”, escreveu.

VEJA MATÉRIA COMPLETA EM BRASIL 247 OU CLICANDO AQUI

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *